23 de jul de 2010

Dessin animé - Wakfu [ATUALIZADO]

 E aí galera, beleza? Hoje vou dar uma dica pra vocês, coisa chic, coisa fina, coisa que vem da Europa: um desenho animado francês. O nome da animação é Wakfu, produção do estúdio Ankama, conta a história do garotinho aventureiro Yugo e de seus amigos Ruel, Tristepin, Evangelyne e a princesa Amália e é a coisa mais autenticamente divertida que eu assisti esse ano.

A produção francesa de 2008 do diretor Anthony "Tot" Roux consegue fazer algo muito simples que a maioria desenhos animados voltados para o público infanto-juvenil não tem conseguido nos últimos anos: contar uma história interessante, com personagens carismáticos com início meio e fim, e não o que eu tenho visto por ai, besteiras quaisquer criadas apenas para vender bonecos e bugingangas pra criançada ranhosa. A história pode soar cliché no início (um garoto com poderes mágicos e um passado misterioso em uma busca pela sua origem) mas se vê logo nos primeiros episódios que carisma é algo que a série tem de sobra para te manter assistindo até o fim. Boa parte deste carisma advém da interação entre o grupo de amigos do moleque Yugo: personagens como o velho sovina de bom coração Ruel, antigo amigo do pai adotivo do garoto, o animadão e convencido Tristepin, cavaleiro guardião de uma relíquia mágica poderosa - uma espada falante de personalidade distorcida que tem o poder de dominar as pessoas e transformá-las em monstros incontroláveis - e as meninas, a mimada princesa aventureira com poderes sobre a natureza Amália e sua competente guarda-costas e dama-de-companhia Evangelyne dão um tom agradável de "mesa de rpg" ao desenho, com as situações em que se metem no meio da viagem - como encontrar princesas que vivem em uma torre no meio do nada ou uma cidade infestada de carniçais controladas por um vampiro sequestrador - rumo ao destino do "petite" Yugo, a ilha de Oma, onde supostamente encontrarão a resposta para a origem desconhecida do garoto. O desenho começa com um quebra-pau pirotécnico entre o misterioso Grougaloragran, carregando Yugo ainda bebê em um carrinho, e o malucão Nox, vilão com o poder de controlar o tempo (ZA WARUDO!). As duas temporadas estão disponíveis no Netflix e foi dublada pelo estúdio BKS. E parece que uma terceira temporada já está em produção e uma outra série, dessa vez tendo como base o universo do jogo dofus estão vindo por aí... Ah sim, a série ainda conta com 3 especiais, um sobre o vilão Nox, outro sobre o mestre do tristepin e mais um que eu não consegui baix... digo, assistir, mas estes infelizmente não estão disponíveis no Netflix.

Nenhum comentário:

Postar um comentário